sábado, 1 de novembro de 2008

moedas

quantas faces tem uma moeda?
quanto amor tem um desejo?
quanto ódio asfalta a estrada?
tenho moedas, redondas sem faces.
num contínuo rolar, amassam e confundem.
o amor, fica ferido
o ódio, amansado.
e as moedas,
continuam a rolar...

rs

1 comentário:

princesa papoila disse...

foi esta a que primeiro a minha atenção chamou...talvez pelo uso da palavra "amassar" que acho que sabes usar de uma forma tão delicada.
parabéns